22 fevereiro 2006

Pobreza Moral

22/02/03

Quem nunca viu
Um doente que não sobreviveu
Uma criança sem pão
Um mendigo a pedir no chão?
Todos já vimos,
E então?

Todos já vimos políticos a discursar,
Mas ninguém liga a quem não tem nada para manjar.
Todos já vimos actores no cinema,
Mas nenhum avisa sobre o verdadeiro problema.
Todos já vimos acidentes no “terceiro mundo”,
Mas ninguém se preocupa mesmo lá no fundo.
Todos já vimos programas azeiteiros de televisão,
Mas não ligamos a uma triste criança sem pão.
Toda a gente se preocupa com os Estados Unidos,
Mas ninguém se preocupa com os países que já tão todos fudidos.

Pois é… esta é a triste verdade dos nossos dias
Não me venhas dizer que não sabias
Pois eu sou capaz de te dar uma lição
De como se aprende a abrir os olhos para a vida
E descolá-los da televisão
Que só dá porcaria e não a realidade,
Dos que lutam pela liberdade
De expressão e de opinião,
Dos que lutam para comer um pão
Ou daqueles que já perceberam a verdade
Desta geração, que parece não ter coração.

Eu não me conformo com esta pobreza
O mundo em crise, uma tristeza
Não me conformo, não!
Enquanto os chulos da sociedade não forem para a prisão.

2 poesias :

Maria João Maia disse...

"Não me venhas dizer que não sabias
"

Toda a gente sabe...mas ninguém move uma palha! A verdade é que andamos aqui por ver andar os outros e, enquanto não chegar a pobreza a nós, à nossa pele...deixamos andar..!

Mas também resolver...como? O próprio país n se sabe gerir, como poderá ajudar?
Podemos ajudar...mas n é um gesto solidário que mudará a vida de alguém que vive na miséria...

Ligeira confusão :S

Bjs

Dreamer disse...

ta exelente mm=)
do melhor..
fica bem=)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
;