06 outubro 2010

Racismo

27/06/03 (longe vão os tempos em que escrevi isto)

"Racismo preconceito e discriminação em geral
É uma burrice colectiva sem explicação”

Dá-me uma única explicação
Para uma estúpida discriminação
Que eu dou-te mais do que uma razão
Para tu limpares toda a sujidade que paira no teu “sótão”
E varreres todo esse preconceito
Que te está afixado no peito.

Então presta atenção no que te vou dizer,
Mesmo que te custe a perceber:
Deixa de ser racista e ganha poder
Para te afirmares como um ser
Capaz de aceitar o que é diferente,
Vivendo sempre contente
Com os pretos e com os brancos
Com os clandestinos e com os nacionalistas
E ganharás coragem para criticares todos esses burros racistas.

Espero que tenhas percebido a mensagem
E não a coloques à margem
Do teu pensamento.
Coloca este projecto em andamento
E faz uma “lavagem cerebral”
A todos os que ainda são racistas em Portugal
Na Europa, no Mundo
Para que também esses sintam lá no fundo
O prazer que é ser diferente
O prazer que é ser igual.

Inspirado na música do Gabriel o Pensador - "Lavagem cerebral"

 

Para recordar velhos tempos...

1 poesias :

Gabriela Perez disse...

Lágrimas de Preta

Encontrei uma preta
que estava a chorar
pedi-lhe uma lágrima
para a analisar.

Recolhi a lágrima
com todo o cuidado
num tubo de ensaio
bem esterilizado.

Olhei-a de um lado,
do outro e de frente:
tinha um ar de gota
muito transparente.

Mandei vir os ácidos,
as bases e os sais,
as drogas usadas
em casos que tais.

Ensaiei a frio,
experimentei ao lume,
de todas as vezes
deu-me o que é costume:

nem sinais de negro,
nem vestígios de ódio.
Água (quase tudo)
e cloreto de sódio.

António Gedeão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
;